Governar com o Povo = Ditadura ideológica.


Quem diz "Quero um Governo que sempre governe junto com o povo", este não entende nada de Política. Nada. 

A Eleição nada mais é do que a aprovação do Povo ao projeto de Governo apresentado pelos ideais apresentados pelo grupo que se dispõe, se apresenta, como candidatos, os partidos. A partir dessa aprovação, começa, ou espera se, que comece a ser posto em prática e cumprido o Plano de Governo aprovado pelo Povo. 
Quem diz que "governará junto com o Povo, nunca tomando decisões sem consultar o Povo" admite não ter projeto algum de Governo. Ou este é o projeto de Governo" Tomar decisão junto com o Povo". Sendo isto, seria preferível extinguir o Governo, e o Povo governar a si mesmo, já que toda decisão seria tomada pelo Povo e não pelo Governo. Uma real anarquia. 
Mas, o maior problema dessas propostas "junto ao Povo" é o projeto mais autoritário e anti democrático que existe. 
Quem seria o Povo consultado? O Legislativo? Senado? Não! Movimentos sociais partidários ou Entidades de sociedade civil. Estes se fariam o "Povo sendo consultado". 
Ou seja, esta minoria que raptaria o anseio popular, tomaria decisões por toda nação como um projeto de Governo, através de "Assembléias Populares", sem esses movimentos sociais e entidades de sociedade civil sequer eleitos serem ou conhecidos pelo Povo. Uma ruptura direta da Democracia. Que, em tese, Se faz pelas decisões e consultas aos representantes do Povo, o Poder Legislativo, Congresso, Senado e Assembléias estaduais. 
Fujam de propostas de Governo que prometem "Governar com o Povo".
- Renato Faustroni

Comentários